top of page

O que é o Elastômero e quais suas principais aplicações

O elastômero é uma substância composta, sua matriz é um polímero de características e módulo visco-elástico. São modificados através da vulcanização, podendo ser esticados até o dobro de seu tamanho e retornar rapidamente ao estado original após remoção da tensão.


Possuem em especial: resistência, elasticidade, flexibilidade, impermeabilidade, alta resistência a abrasão, e não é afetada pela corrosão causada pela maioria dos produtos químicos mais comuns; podendo ainda ter as suas propriedades combinadas com as de tecidos técnicos e do aço.



Grupos Poliméricos do Elastômero Termoplástico


O elastômero termoplástico possui uma alta usabilidade na indústria. Ele é dividido em grupos que atendem diversas necessidades industriais.


  • TPE (Elastômero termoplástico)

É formado por borracha SEBS (Estireno-Etileno-Butileno-Estireno). O TPE é um material de alta versatilidade e pode ser utilizado desde a fabricação de utensílios de higiene a ferramentas e componentes eletrônicos.


  • TPV (Elastômero Termoplásticos Vulcanizado)

Possui um grande uso na indústria automobilística para a fabricação de caixas de direção, perfis de vidros, botões, tapetes, câmbio, freio de mão, dentre outros.


  • TPU (Elastômero termoplástico de poliuretano)

É composto por uma sequência alternada de poliésteres amorfos e flexíveis com segmentos rígidos de alta densidade dos grupos de uretanos.

Por ser resistente a abrasão, é muito usado para a fabricação de engrenagens, amortecedores, cilindros, peças para máquinas, dentre outras aplicações.


  • TPE-E ou COPE (Copoliéster)

É formado por copolímeros de poliéster. É usado para a fabricação de diversos produtos, desde válvulas de vinho a antenas para automóveis.


  • TPO (Poliolefinas)

É um composto heterofásico, formado por fase elastomérica amorfa e fase cristalina de natureza poliolefina. Por ter alta resistência, é aplicado para a fabricação de para-lamas, artigos de mergulho e até botas de neve.


  • TR (SBS – Estirênico)

É um copolímero de estireno-butadieno. Sua aplicação é ampla, desde a indústria de calçados e brinquedos até o setor agrícola.



Elastômero e suas propriedades


Esse é um material que possui diversas propriedades que são aproveitas para a fabricação de produtos e peças que precisam de resistência e bom desempenho.

Dentre a variadas propriedades do elastômero, podemos destacar:


  • Dureza:

O elastômero PU pode apresentar uma dureza muito maior do que a borracha. Seu nível de dureza é definido pelo método Shore. Elastômero como o poliuretano possui uma dureza de 10 Shore até 95 Shore D.


  • Flexibilidade e resistência:

Outra característica é ser um material resistente a rasgos e rompimentos. Também possui uma alta elasticidade, o que contribui para sua durabilidade em qualquer aplicação.


  • Resistência a abrasão:

Uma das características do elastômero é ser resistente a desgastes constantes e atritos. Devido a essa propriedade, é um material que pode ser utilizado em diversas aplicações que passarão por atritos.

  • Compressão:

Possui uma alta resistência a compressão, carga e tensão. Isso o faz ser bastante útil para aplicações que precisam ser resistentes a peso.


Tipos

Existem dois tipos de elastômero que são diferenciados por sua estrutura. Cada tipo possui características distintas que são aplicadas em diversos setores.


Elastômero natural

O tipo natural é proveniente da Amazônia e seu principal elemento é o látex extraído das seringueiras.


Elastômero sintético

O elastômero sintético é fabricado com a polimerização de inúmeros monômeros como isopreno, butadieno, cloropreno e isobutileno, conhecido como metilpropeno.


Aplicações industriais do elastômero


O elastômero é um produto bastante versátil e que é aplicado em diversos segmentos como a indústria automobilística, de calçados, produtos de borracha e até mesmo componentes eletrônicos.Ele também possui uma grande participação na construção civil para a fabricação de tubos, telhas, perfis e diversas aplicações que precisam ser parcialmente maleáveis, mas sem perder a rigidez. Na impermeabilização de paredes, esse material é utilizado para impedir a infiltração de água e líquidos que podem comprometer a obra.


Outra aplicação comum é para a fabricação de mantas sintéticas que garantem um bom isolamento térmico para diversos empreendimentos.

Juntas e rejuntes já podem contar com a ação do elastômero para facilitar a aplicação de peças de cerâmicas em pisos e paredes.


Conheça os produtos da CYA clicando aqui.


407 visualizações

Comments


bottom of page